Chegada da super tempestade Irma mostra o quanto é importante se preparar

Blackouts e inundações em St Martin enquanto os ventos destroem edifícios mais resistentes e estoques de suprimentos se esgotam nos supermercados.

Furacão Irma (Foto: NOAA National Weather Service National Hurricane Center/Reuters)

Ilha de Barbuda foi atingida na manhã desta quarta pelo furacão, considerado uma das tempestades mais fortes no Atlântico em um século. Ventos superaram 295 km/h.

Ofuracão Irma já está sendo considerado por especialistas o mais poderoso da década no Atlântico. À medida que avança pelo Caribe, ganha força e já chegou, segundo a Nasa, à categoria 5

 

A categoria 5 é a mais alta, quando e os ventos superam a marca dos 252 km/h, similar à velocidade de alguns trens de alta velocidade. Segundo a Nasa, os ventos do Irma já ultrapassam os 280 km/h.

Moradores da Flórida já começaram a estocar alimentos e bebidas por conta do Furacão Irma, previsto para chegar na região neste fim de semana. O Centro Nacional de Furacões dos EUA afirmou que Irma se tornou um furacão de categoria 5, “extremamente perigoso”.

Muitos supermercados já estão com diversas prateleiras vazias, principalmente nos setores de pão e água.

O senador americano Marco Rubio afirmou que o impacto de Irma no estado da Flórida deve ser “forte”. O furacão é o mais forte já registrado na bacia do Atlântico. Caribe e Flórida estão no caminho das chuvas e ventos.

“Estou aqui há 10 anos e nunca vi furacão, só tempestade forte. Ano passado, teve um furacão que estava bastante ameaçador, mas graças a Deus ele não chegou aqui. Na época, estocamos comida e depois tivemos que doar várias latas de sardinha, feijão. Mas como não queremos correr o risco, saí para comprar hamburguer, pão, salsicha, muita comida enlatada”, disse Allan, que percorreu dois grandes supermercados nesta terça-feira (5), em Sunrise e Plantation.

Supermercado Publix de Plantation, na Flórida (Foto: Allan Reis)

Os moradores estão recebendo várias recomendações das autoridades. “A energia vai ser cortada. No furacão que passou em 2016, as pessoas ficaram 15 dias sem água e sem luz. O pior é depois que ele passa. Também pedem pra ficar longe das janelas, porque pode quebrar os vidros e os objetos voam e podem atingir a gente.

Alan ainda informou que quem não quiser ficar em casa, por medo ou falta de estrutura, pode ficar em abrigos que estão sendo montados nas escolas da Flórida. Um festival brasileiro que ia acontecer a céu aberto em Boca Raton nos próximos dias, com show da cantora Vanessa da Mata, pode ser cancelado.

“Minha amiga ia cantar nesse festival, mas estão falando que os shows podem não acontecer por conta do furacão”, explica Alan.

A Nasa registrou diferentes imagens do furacão Irma, que indicam a proporção da tempestade que ameaça o Caribe. Uma delas foi registrada a partir da Estação Espacial da Nasa.

Nesta quarta-feira, o furacão chegou ao arquipélago de Antígua e Barbuda. Ele se aproxima das Ilhas Virgens e de Porto Rico, que declarou estado de emergência.

Companhias aéreas como a British Airways e a American Airlines cancelaram voos de e para a região. O aeroporto de Antígua, por exemplo, será fechado nesta quarta. Também estão suspensos voos entre ilhas da região, incluindo República Dominicana, Guadalupe e Ilhas Virgens Britânicas.

Fontes: terra e g1

Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com